Estudo do livro de Jó

Introdução

Através da dolorosa experiência de Jó, ricas e profundas lições nos são ensinadas sobre o sofrimento dos justos e seu propósito. -Portanto, nesta série de lições extraídas do seu livro, verificaremos que é perfeitamente possível ao crente permanecer adorando ao Senhor, mesmo estando sob o calor das mais duras provações; aliás, quando o verdadeiro crente atravessa o sombrio vale da sombra e da morte, ou enfrenta o calor da fornalha da aflição, para ele, a adoração se torna uma espécie de refúgio através da qual recebe refrigério para a alma.

O conteúdo do livro de Jó é realmente de um valor sem igual, a sua importância para a história da literatura, foi abordada com as seguintes expressões: “O livro de Jó é talvez a maior obra – prima do espírito humano” – Victor Hugo “Ergue-se como pirâmide na história da literatura, sem precedente e sem rival” – Philip Schaff A importância deste livro se prende ao fato de ser inspirado por Deus, e da discussão filosófica apresentada comum a linguagem altamente poética a cerca do sofrimento humano.

Se Você tem chamada para o diaconato, faça seu curso com o Pr. Júlio César Medeiros

Autoria e Data:

Há opiniões de que tenha sido escrito por Moisés, Esdras, Salomão, Eliú ou o próprio Jó; porém há um consenso geral entre os estudiosos de que o livro tenha sido escrito por Moisés, enquanto esteve no deserto de Midiã, Ex 2.15, pois Midiã servia de limite ao país dos edumeus; e por conseguinte, Moisés deve ter ouvido a história de Jó dos lábios dos seus descendentes imediatos; ou mesmo do próprio Jó, se realmente se confirma a hipótese de que a sua origem tem relação com Edom. – A antiga tradição judaica atribuía sua autoria a Moisés. Se de fato Jó era descendente de Abraão, Moisés pode reconhecê-lo como estando dentro do círculo da revelação divina.

Tema e Propósito:

O livro de Jó é uma antiga obra doutrinária, divinamente inspirada; fala da doutrina de Deus, do homem, de Satanás, do pecado, da justiça, da disciplina, da fé, da criação e outras. No livro de Jó temos a revelação de fatos divinos e sobrenaturais, pois aborda fatos essenciais sobre Deus e o seu favor para com os seus filhos, e o seu controle sobre Satanás. – Neste livro temos a resposta à intrincada pergunta: “Porque o justo sofre enquanto os ímpios gozam de saúde e prosperidade? ”Porquanto, sua mensagem mostra a recompensa que tem aqueles que perseveram na fidelidade a Deus.

Esboço:

O livro pode ser dividido em cinco partes:

A Provação (1.1-2.10).

O Diálogo entre Jó e seus amigos (2.11-31.40).

A participação de Eliú (32-37).

O Senhor fala (38-41).

A Restauração de Jó (cap. 42).

Fatos Importantes:

Diálogo entre Deus e Satanás.

Características Especiais:

Se o Livro foi escrito na época dos patriarcas, ele é o livro mais antigo da Bíblia, além de ser aquele que mais menciona satanás.

Se este texto te foi útil, compartilhe com alguém, dê uma estrelinha e assine pra receber mais notificações.

Avaliação: 1 de 5.

Um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s