Lista das parábolas de jesus

O administrador desonesto (Lucas 16.1-9);
O amigo importuno (Lucas 11.5-8);
As bodas (Mateus 22.1-14);
O bom samaritano (Lucas 10.29-37);
A casa vazia (Mateus 12.43-45);
Coisas novas e velhas (Mateus 13.51-52);
O construtor de uma torre (Lucas 14.28-30);
O credor incompassivo (Mateus 18.23-35);
O dever dos servos (Lucas 17.7-10);
As dez virgens (Mateus 25.1-13);
Os dois alicerces (Mateus 7.24-27);
Os dois devedores (Lucas 7.40-43);
Os dois filhos (Mateus 21.28-32);
A dracma perdida (Lucas 15.8-10);
O fariseu e o publicano (Lucas 18.9-14);
O fermento (Mateus 13.33);
A figueira (Mateus 24.32-33);
A figueira estéril (Lucas 13.6-9);
O filho pródigo (Lucas 15.11-32);
A grande ceia (Lucas 14.15-24);
Jejum e casamento (Lucas 5.33-35);
O joio (Mateus 13.24-30,36-43);
O juiz iníquo (Lucas 18.1-8);
Os lavradores maus (Mateus 21.33-46);
Os meninos na praça (Mateus 11.16-19);
A ovelha perdida (Lucas 15.3-7);
O pai vigilante (Mateus 24.42-44);
A pedra rejeitada (Mateus 21.42-44);
A pérola (Mateus 13.45-46);
Os primeiros lugares (Lucas 14.7-11);
A rede (Mateus 13.47-50);
O rei que vai para a guerra (Lucas 14.31-32);
O remendo com pano novo (Lucas 5.36);
O rico e Lázaro (Lucas 16.19-31);
O rico sem juízo (Lucas 12.16-21);
O semeador (Mateus 13.3-9,18-23);
A semente (Marcos 4.26-29);
A semente de mostarda (Mateus 13.31-32);
O servo fiel (Mateus 24.45-51);
Os servos vigilantes (Marcos 13.33-37);
Os talentos (Mateus 25.14-30);
O tesouro escondido (Mateus 13.44);
Os trabalhadores da vinha (Mateus 20.1-16);
O vinho e os odres (Lucas 5.37)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s